quarta-feira, outubro 01, 2014

Momento de poesia com Agostinho Fardilha


Fotos minhas
Composição: Luís Fardilha


            Outubro(mês da calêndula)


Outono serviu-te de berço
utilizando campos extensos;
tu, lindos cordões amarelos,
usados com amor bem terso,
belos enfeites p’ra seres imensos:
raparigas com seus anelos
ou por graça ou com seus desvelos.



 Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra

Mona Lisa " Animada"

ShareThis