terça-feira, maio 29, 2012

Por este rio acima

















Fotos minhas




Por este rio acima
Deixando para trás
A côncava funda
Da casa do fumo
Cheguei perto do sonho
Flutuando nas águas
Dos rios dos céus
Escorre o gengibre e o mel
Sedas porcelanas
Pimenta e canela
Recebendo ofertas
De músicas suaves
Em nossas orelhas
Leve como o ar
A terra a navegar
Meu bem como eu vou
Por este rio acima
(...)


(Fausto)

30 comentários:

Anónimo disse...

Subi-o, lentamente, apreciando as tuas belas fotos!

Parabéns!

Abraço.

AA.

✿ chica disse...

Que poesia linda e tuas fotos, sensacionais, vi gatos, flores roxinhas ou azuladas, lindo tudo!! Parabéns! beijos,boa noite,chica

Vítor Fernandes disse...

As palavras do Fausto a ilustrarem um conjunto lindo de fotografias.

G.Erika disse...

Olá, que lindo blog! Parabéns
Fotos lindas de um lugar maravilhoso!!!

Beijo com carinho

Edu. Matos disse...

Lindo, lindo lindíssimo a sequência de fotos e o poema também. Já agora onde fica esse sítio? Eu conheço esse sítio de algum lugar. Bj

BlueShell disse...

Que delícia.. adorei o gatinho.. e os patinhos.Belíssimas fotos, minha querida
Bj

Existe um Olhar disse...

Que tranquilidade! Que paz! Subi também rio acima e contemplei embevecida este teu olhar.

Beijos
Manu

O meu pensamento viaja disse...

Por imediata associação de ideias, relembrei, "Sob los rios que vão ..."
Fantásticas fotos.
Beijo

Bella disse...

Que fotos lindíssimas!!!! De quebrar a respiração! bjs

Bergilde disse...

O verde e as águas.O verde que se reflete na beleza dessas águas e no encanto desse poema.Paisagens magníficas!
Abraço carinhoso num dia preocupante para a Itália,

Lita disse...

Magníficas fotos, ilustrando um poema lindo!
Beijinho
Lita

Lita disse...

Magníficas fotos, ilustrando um poema lindo!
Beijinho
Lita

Silenciosamente ouvindo... disse...

Também adorei as fotos e o sítio
em si deve ser maravilhoso para
se passear por ele...Mas confesso
que não "detectei" onde fica.
Pode dizer?
Beijinhos
Irene

Agulheta disse...

Por este rio acima é um belo poema de Fausto,as paisagens dele mais ou menos dá para me situar,como gosto de pescar mais o marido conheço alguns rios,e penso que por aqui já estivemos.Adorei todas as fotos que por aqui colocas-te.
Elisa já tenho mais ou menos o problema resolvido do blog,e ainda bem porque não gostaria de o fechar.
Beijinho

Pérola disse...

quando vi o título lembrei-me logoda canção e ia cantarolando, observando as fotografias magníficas. Excedeste-te, estão lindas, dariam para muitos posts lindíssimos.
Que cores, que verde, que pormenores!
Minha querida, amei este rio, acima ou abaixo.
Quando chegei ao rodapé eis a letra da canção que tinha assomado logo à cabeça.
Uma coincidência muitoengraçada.

Muitos parabéns. Temos fotografa profissional!
Um beijinho

Silenciosamente ouvindo... disse...

Obrigada pela resposta.Bj

Isa Lisboa disse...

Bela série de fotos!

lis disse...

Que lugar espetacular Mlisa!
Nem consigo escolher uma preferida, as dos reflexos eu amo demais e a cor dos arbustos, do gramado, todas pura poesia.
Um rio com águas calmas que vai sempre desaguar no mar , maravilhosa natureza.
Lá vou eu por este rio acima ou abaixo?"rs
abraço

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

As suas belas fotos foram boa companhia para subir o rio, com a sonoridade de Fausto

Vera, a Loira disse...

Enquanto subi o rio encantei-m com as tuas fotos, é incrível como consegues captar a essência dos locais.

Mena disse...

Lindo, lindo, lindo, lindo...

bj

mfc disse...

Que sequência lindíssima de fotos!!
Estás de verdade de parabéns!
Como gostava de dar este passeio.
Beijinhos,

Lilá(s) disse...

Que coisa linda! também quero, onde é???
Adorei o gatinho amarelo, nem sei porquê...
Bjs

Margarida Costa disse...

Ohh meu Deus! Que fotos lindas... que rio mágico! Adorei a paisagem!
Beijinhos

O meu pensamento viaja disse...

Lisa, querida, ainda bem que dei um contributo para a economia doméstica.
Beijo

Artes e escritas disse...

Que lugares aprazíveis! Um abraço, Yayá.

Pérola disse...

Vim revisitar as tuas belas fotografias.
Recordam-me a infância, morava longe do mar e os ribeiros, rios e barragens faziam as nossas delícias de crianças, jovens e menos jovens.
Belos tempos, aqueles!
Um beijo, minha querida!

Rui Pascoal disse...

Duas coisas que adoro, fotografia (são lindas) e (Fausto) poesia. E como "não há duas sem três", música também.
:)

rosa-branca disse...

Lindo, belo maravilhoso. Onde ficam tão soberbas paisagens? O poema também é lindo. Adorei. Beijos com carinho

Roseli disse...

Belo lugar e belas fotos. Qualquer dia irei visitar Portugal, acompanho suas fotos e fico deslumbrada com tanta beleza. Bjs

Mona Lisa " Animada"

ShareThis