sábado, setembro 01, 2012

Momento de poesia com Agostinho Fardilha


(Reis nascidos neste mês)




Sancho II, tiveste má sina
e não mandaste como a Igreja ensina;
tirou-te o Papa este reino sagrado
e morreste por Ele excomungado;
morreu Pedro V na flor da idade;
bem-estar do reino, a prioridade:
razões p’ro combóio são progressistas;
os Cursos de Letras, modernas vistas.

Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra

Imagem : internet

15 comentários:

✿ chica disse...

Já fico esperando, a cada início de mês, uma nova poesia assim! Linda mais essa! beijos e que SETEMBRO seja lindo! chica

lis disse...

A Chica tem razão ,inicia o mês e lembramos logo do nosso poetinha do calendário, sempre com um vasto conhecimento histórico .
Setembro _ aqui o mês da volta da primavera ,uma estação que remete a flores e beleza.
Obrigada Mona Lisa por nos brindar com poemas lindos do seu pai_ a quem admiro muito.
* estou dando uma fugidinha do blog e pretendo ser breve.
fique bem, te deixo abraços e beijos extensivos ao Sr.Agostinho.

Nilson Barcelli disse...

O teu pai é um grande poeta, não me canso de o repetir.
Beijo, querida amiga.

BlueShell disse...

Verdade, verdadinha! Parabéns.
(hoje, porém...os cursos de Letras estão em decadência - sinais dos Tempos, não é verdade?)
Beijo e obrigada pelas visitas. A minha mãe está agora com a minha tia em Alcobaça. aqui, desde que começou a tomar insulina começou a ficar deprimidíssima. Esteve em Coimbra com o meuirmão mas não melhorou. Agora , com a irmã, talvez se distraia um pouco...
estou preocupada...muito...
Um beijo
BShell/Isabel

São disse...

Na época da primeira cruzada contra cristãos na Europa, irmãos de fé,natural que em toda a primeira dinsatia portuguesa os reis fossem excomungados de quando em vez.

Pena que o projecto de vida de D. Pedro fosse tão breve.

Bom domingo.

Anónimo disse...

Saudades, saudades, saudades de visitar este blog!!!
Não por preguiça.
Não por esquecimento.
Não por falta de amizade.
Oh! tempo como tu passas e nada dizes.
Vais colhendo à tua maneira e nós criaturas tão sensatas! e sabedoras! não nos apercebemos que tu sorrateiramente vais levando um pouco de nós.
Será uma má sina que acompanha todo o homem ao longo da sua vida???
Não creio.Tudo está nas nossas mãos.Tudo que está dentro de nós é bom!
É urgente que tenhamos presente as consequências de todo o mal que possamos praticar.
Sancho II teve o seu Ego acima de tudo.
E claro que a "má sina" excomungou-o.
Depois da morte, nada há a fazer.
É em vida que somos convidados a viver com um coração puro, simples e humilde, independentemente da idade, da classe, da situação económica, da cultura, da raça.
Assim morreu Pedro V, na flor da idade.
Homem bondoso e correto, mas a sua hora chegou mais cedo do que talvez tivesse imaginado.
Mas ficou no nosso coração a sua bondade .
Deixou-nos uma marca distintiva de AUTENTICIDADE.
Os Cursos de Letras quem os não tem???
Curso de manejar com "todas as letras",o nosso próximo.
Rir-te-às com o que escrevo.
Não importa.
O que pretendo é mesmo deixar, também,uma marca distintiva de:
VONTADE;
FIRMEZA;
CONFIANÇA;
FÉ.
Sabes tu porquê???'Imagina.É simples.
Trata-se de um trabalho de letras mentais.
Misturei todas as letras e conclui que só vale a pena viver quando vivo para os outros.
Foi com o curso do quotidiano que aprendi as letras do AMOR.
Escrever com AMOR;
Ler com AMOR;
Rir com AMOR;
Trabalhar com AMOR;
Dar-me com AMOR e pelo AMOR.

Assim poderíamos todos cantar alegremente a canção do Amor, ou poderemos afirmar como Santo Agostinho

"Ama e faz o que quiseres."

mfc disse...

Se D. Sancho morreu excomungado é porque defendeu os interesses de Portugal...bem haja, pois!
O D. Pedro inaugurou a ligação ferroviária até ao Carregado... e aconteceu qualquer peripécia de que não me recordo!

Beijinhos e um abraço ao teu Pai

Lilá(s) disse...

Mais um brinde, oferecido pelo teu famoso poeta.
Bjs

Graça Pereira disse...

Os acrósticos do teu Pai sobre cada mês, são sempre maravilhosos...
Dá-lhe um beijo por mim.
Beijocas e boa semana.
Graça

Artes e escritas disse...

Setembro se inicia com um acróstico, uma homenagem bonita do seu blog. Um abraço, Yayá.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Mais uma vez os meus parabéns ao
Sr. seu pai, Gosto muito de ler
o que escreve. Setembro é o meu
mês e gosto muito dele.
Beijinhos
Irene

Existe um Olhar disse...

É um previlégio ter um pai com um dom poético inquestionável.
Para mim é um prazer lê-lo.

Beijos

Manu

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Não só aprecio o dom poético, como a capacidade do seu pai em nos dar ensinamentos úteis.
Beijos

Lídia Borges disse...


Mais um acróstico que associa a técnica da escrita com a saber da História.

Muito bom! Sempre.

Um beijo

Pérola disse...

Desconhecia que tinhamos reis excomungados na nossa história.
Olha a minha ignorância...

Beijinho e parabéns ao paizinho.

Mona Lisa " Animada"

ShareThis