domingo, março 23, 2014

Um olhar



Já se ouve o lento sucumbir do Inverno
e o gorgolhar do que a Mãe Natureza
produz: bichinhos às frondosas  árvores.
Todos os seres se enleiam em afago terno.

Logo virão as travessas moçoilas
com géneros, temperos e namorados.
De ditos chistosos fartam-se os ares.
Em breve fumegarão as caçoilas.

Quentes as cabeças, irromperão as danças.
Os pares estreitam-se cada vez mais.
Lábios roxos de tanto morder.
Folgai, ó Juventude, e sem tardanças.


Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra

24 comentários:

lis disse...

Oi querida amiga
Estou voltando às postagens e é bom demais visitá-la lendo o poema do seu pai - O poeta que versa não só os calendários mas as estações a beleza a vida.
Lindo e admirável ,sempre!
Parabéns Sr.Agostinho
grande abraço

dilita disse...

Olá Querida Lisa

Neste seu blog tudo é beleza. Dizer do que gosto mais, não sei.Monumentos, paisagens, flores, poesia... Um encanto. Parabéns a ambos,detentores de tanta sensibilidade, gosto e arte.

Não conheço este Mosteiro em Paço de Souza. Lamento, pois estivemos junto à campa de Padre Américo, mas na aldeia dos Gaiatos, e afinal bem perto havia este Mosteiro que por ignorância não vizitámos.

Obrigada pela visita ao meu birras. Esqueci de dizer que para cozer a abóbora deve pôr um pouquinho de água no fundo da vasilha, colocar a abóbora e em cima o sal. Depois quando estiverem quase prontas pode aumentar o sal, se necessário.

Beijinho e bom Domingo.
Dilita

Cidália Ferreira disse...

BOM DIA
Palavras para quê?

Imagem estrondosa de linda.. e Poema excelente. Gostei muito.


Tem um excelente Domingo.

Beijinho
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

✿ chica disse...

Poesia do teu pai que retrata bem a saída do inverno para uma primavera que alegra, acende os corações...

Lindíssima tua foto,como sempre, aliás!

Desejo um domingo lindo, com bastante passeios primaveris e uma semana ótima! beijos,chica

Nilson Barcelli disse...

A tua foto é soberba.
O poema do teu pai não fica atrás.
Uma dupla imbatível...
Lisa, tem um bom domingo e uma boa semana.
Beijo.

Crocheteando...momentos! disse...

Mais um belíssimo poema onde a natureza reina!!! Bj

O meu pensamento viaja disse...

Um hino à Primavera e à juventude! Fresco,colorido e vigoroso!
A foto, inspiradora!
Beijo

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Belíssima poesia do seu pai
Me encantou
Venho agradecer pela gentil visita e te desejar
Uma ótima semana, querida
Beijinhos e o meu carinho
Verena e Bichinhos

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Belíssima poesia do seu pai
Me encantou
Venho agradecer pela gentil visita e te desejar
Uma ótima semana, querida
Beijinhos e o meu carinho
Verena e Bichinhos

Lilá(s) disse...

Apesar de ainda estar muito frio, são já muitos os aromas de primavera.
Bjs

São disse...

A poesia de teu pai faz -me lembrar a do meu...

Gostei muito e da foto também!

Bons sonhos

ॐ Shirley ॐ disse...

Já é tempo de saudar a primavera? Que bom, que lindo poema!
Mona Lisa, beijos!

Flavia disse...

lindo texto
bjs
Flavia
www.adoteumfocinhocarente.blogspot.com
Rifas: http://adoteumfocinhocarenterifas.blogspot.com.br/
loja virtual: www.adote.iluria.com

Remus disse...

Um olhar, de um lugar onde daria um bom piquenique, sem perigo de ser assaltado pelas formigas.

Aquela zona azulada, que aparece no topo, é que tenho dúvidas que tenha ficado muito bem.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Mais um belíssimo poema do teu pai e mais uma bela imagem tua.
Beijinhos

Tons Neutros disse...

O texto está muito bonito. Assim como a imagem que o acompanha.

Tons Neutros disse...

O texto está muito bonito. Assim como a imagem que o acompanha.

Mira disse...

Lisa, foto e poema, parabéns ao
poeta e há fotógrafa, que belo
par, beijos amiga

Manu disse...

Agora resta esperar pelos parzinhos de namorados que decerto se sentirão aqui muito bem.

Beijos Elisa

✿⊱Lilasesazuis✿⊱by Lígia✿⊱ disse...

Belos versos do paizinho poeta!!

E que linda imagem primaveril!

beijinhos,

Lígia e =^.^=

Vera, a Loira disse...

Adoro a natureza.

Emília Pinto disse...

E que bela homenagem deixa o teu Pai a Primavera. Já se nota toda essa azáfama,perturbada apenas pelo frio que voltou afastando um pouco as " moçoilas " da suas já preparadas travessuras. Mas...o sol e o calor voltarão e sem mais " tardanças " o ar se encherá de alegria,danças e gargalhadas. Parabéns ao teu pai por tão bela poesia.Beijinhos, Lisa e que os dias mais amenos te tragam serenidade que,aliás, é muito necessária para todos nós.
Emília

Pérola disse...

Que belo versejar sobre uma primavera que tarda.

Neste país tudo anda ao contrário, até o tempo.

Parabéns ao poeta!

beijinhos

Cândida Ribeiro disse...

Mais um magnifico poema do teu pai que nos faz desejar a Primavera.
Parabéns.

beijinhos

Mona Lisa " Animada"

ShareThis