quarta-feira, julho 01, 2015

Sintonia entre olhar e poesia


No Verão, usa-se traje multicor.
A água azul do mar contrasta com os rochedos.
Corpos vestidos ou seminus mexem-se ou quedos.
Toldos e o bar, mitigando sede ou calor.
Até a areia parece mudar de cor.
A Natura está alegre. Nada causa medos.


Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra
11-5-1926 / 23-4-2015

32 comentários:

✿ chica disse...

Uma linda praia, clima festivo por lá nessa época do ano! Linda foto e sensação boa que passa! bjs, tudo de bom,chica

mmm´s disse...

A cor do verão, que dá também, cor às nossas vidas:-))

Teresinha disse...

O poema foi feito para a fotografia... ou a vice-versa!
Uma junção excelente.
Beijinhos

Teresinha disse...

(vai um "a" a mais...! Não li antes de publicar!)

lis disse...

Como sempre o dia primeiro de cada mês é o dia do Sr.Agostinho,
_ e isso só alegra e engrandece seu espaço.
Foto cheia de cor e luz e poema embaladinho no verão multicor.
beijos Mona

Catarina disse...

Gostaria de estar nessa esplanada e ate ouvir alguem recitar um poema como este. : )

MARILENE disse...

Verão, praia, cores... tudo encanta nessa estação. Belo registro, engrandecido pelos versos de seu pai. Bjs.

Graça Pimentel disse...

Ontem não andei pela net mas hoje já esperava o post do dia 1...
Uma fotografia linda, cheia de cor. Sobressaem o azul do mar e o vermelho dos chapéus e das roupas. E esta praia é do norte, aposto.

bj

BlueShell disse...

Quando a natureza está alegre o homem devia sentir- se alegre.
Muito bom, o poema e a foto...muito colorida. Já estás na prais?

Eu continuo aqui nas serras...e as aminhas férias serão aqui, Deus querendo.
Por enquanto ainda há trabalho e tenho a Formação. (amanhã, de novo)...

Bj
BShell

Teresa Silva disse...

Como sempre saiu daqui encantada com os poemas do Sr Agostinho Fardilha!

Bjxxx

Cidália Ferreira disse...

Um sitio lindo, mas tenho medo de estar perto dos rochedos.

Goste!

Beijos
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Manu disse...

Um cenário cheio de cor, tão usual nesta época.
Pelos vistos uma praia bem concorrida..eu sempre que posso afasto-me desses aglomerados e tenho possibilidade em fazê-lo.
Os versos, como sempre são um prazer ler no início de cada mês.

Beijos Elisa

Crocheteando...momentos! disse...

No olhar encontrei cada palavra da poesia!!! Bj

Crocheteando...momentos! disse...

No olhar encontrei cada palavra da poesia!!! Bj

Lilasesazuis Gata disse...

Linda foto, lindos versos e bem adequados.

Seu papai sempre muito talentoso!!

Um feliz verão e julho por ai...

Aqui estamos com friozinho e garoa...também gosto muito...

beijinhos, Elisa,

Lígia e =^.^=

Morning Dreams disse...

Tanto o poema como a fotografia são bonitos! :)

MORNING DREAMS

Sofia Silva, Beijos*

Remus disse...

Acho que já o disse mas vou voltar a dizer: eu nunca fui pessoa de "fazer praia". De estar como estes, deitado ao sol.
Fazer caminhadas ou passeios pelo areal e sentir a água do mar nos pés, isso eu gosto. Agora ficar a tostar... não contem comigo.
Acho que sou como a Elisa. Em vez de ficar a tostar ao sol, prefiro dar uma volta e fotografar.
;-)

Ana Freire disse...

Uma pura delícia... ler cada palavra...
E a imagem... uma homenagem belíssima à vida, ao Verão, à cor, e à alegria...
Um post deveras encantador!...
Beijinhos
Ana

Carpe Diem disse...

Uma imagem que me diz muito! Eu que amo o verão como não amo outra estação :)
Beijinhos

PS. Já consegues ver o vídeo no meu blogue. Já resolvi o problema!

Liliane de Paula disse...

As praias aqui são diferentes no visual.
Parece que são mais extensas.

O meu pensamento viaja disse...

Lisa, não sabia da partida do "nosso" poeta!
Lamento muitíssimo a tua perda!
Perpetua a sua presença através dos seus belos poemas.
Um grande abraço.

Emília Pinto disse...

" A natureza está alegre. Nada causa medos " Ela nos dá tudo, até alegria, mas o pior é que nem sempre o nosso coração está pronto para a receber. A vida é como a natureza, dá-nos alegria, mas também nos dá intempéries. Lindo como sempre, Lisa. Um beijinho e fica bem, tentando aproveitar sempre que possivel o calor que a natureza está oferendo, mesmo que " a dobrada " nos tenha sido servida fria.
Emília

Néia disse...

Oi amiga...Amo o outono, mas com certeza o verão é uma estação linda e este poema soube traduzi-la muito bem. Sentimentos pela partido do seu pai.

Ailime disse...

Boa noite Elisa,
A sua magnífica foto "encaixa" (e desculpe o termo) na perfeição com o fabulosos poema de seu pai!
Um forma sublime de perpetuar a sua memória.
Beijinhos,
Ailime

cottidianus disse...

já falta pouco tempo para fazer companhia a esses "malandros" :) esta quase...

BlueShell disse...

Um bj de bom dia

Bshell

Minha vida de campo disse...

O verão traz alegria e beleza. Belíssimo poema, uma bela comparação com a linda estação.
Bjos tenha um ótimo fim de semana.

Jaime Portela disse...

Há muito tempo que gosto da poesia do seu pai e das suas fotos. E do seu blogue, claro.
Por isso, vou passar por aqui muitas vezes.
Saudações poéticas.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Linda poesia e foto, Elisa querida
Obrigada pelas sempre gentis visitinhas.
Tenha um abençoado fim de semana.
Beijinhos de
Verena e Bichinhos

Maria Dos Anjos disse...

Lindo!! Amo o Verão =)

Bom fim de semana- Bjs-http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

Manuela Miranda disse...

A Praia as cores e suas cores e seus cheiros e tudo são os encantos do Verão Victor Obrigada

Manuela Miranda disse...

A Praia as cores e suas cores e seus cheiros e tudo são os encantos do Verão Victor Obrigada

Mona Lisa " Animada"

ShareThis