sexta-feira, janeiro 01, 2016

Sintonia entre olhar e poesia




Belo presente a Natureza e o Homem nos deu!
Será ingresso para gruta com lago?
A todos mata a sede com afago.
Explorador e refúgio seu?
Harmónica obra, com certeza!
Dois reinos em apogeu:
minério e vegetal mago.
Conservemos sem estrago
o natural museu
de mui rara beleza.


Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra

11-05-1926 /23-04- 2015

24 comentários:

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

“Nunca é tarde demais
pra começar tudo de novo:”
Sempre há um novo dia,
uma nova semana,
um novo mês
e um novo ano... Feliz 2016...


Francis Perot

Remus disse...

É uma fotografia que faz lembrar a cabana do présepio... Se bem que neste caso, teria de ser após uma forte chuvada e que alagou tudo. :-)
"O natural museu" era um excelente título para a fotografia.

Bom ano!!! Bom ano!!! Bom ano!!! Bom ano!!!

aluap Al disse...

Que maravilha de olhar!
A natureza foi generosa, mas boa observação do seu pai quando logo diz "Belo presente a Natureza e o Homem nos deu!".

FELIZ ANO NOVO!

Carpe Diem disse...

Um olhar abençoado e umas palavras preciosas que o acompanham!!! Só podia resultar muito bem!
Feliz Ano Novo, amiga,
Tudo de bom,
Beijinhos

Cidália Ferreira disse...

Excelente foto e texto!

Beijos e um feliz ano de 2016
Bom fim de semana
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Zilnete Antunes disse...

Feliz ANO NOVO, amiga Elisa!!!
Bela poesia do sr Agostinho!!!
Feliz 2016 para vc e toda a sua família!!!
Bjos!!!

mmm´s disse...

Feliz Ano Novo!

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Lindo, desejo um espectacular e magnifico ano 2016.
Um abraço.

Teresinha disse...

Lindo poema!
Bela fotografia!
Feliz Ano Novo!
Beijinhos

Ana Freire disse...

Um início de ano, por aqui, em beleza, no sentido literal das palavras... preciosas... tanto estas... quanto a imagem...
Um post lindíssimo!
Feliz 2016!
Beijinhos
Ana

Crocheteando...momentos! disse...

É verdade e conservar é um ato de muita grandeza!
Viva o poeta e a beleza da poesia e do olhar!

Crocheteando...momentos! disse...

É verdade e conservar é um ato de muita grandeza!
Viva o poeta e a beleza da poesia e do olhar!

O meu pensamento viaja disse...

Olá, Elisa!
No início de um novo ano, recordemos o nosso poeta.
Feliz 2016, querida.
Beijinhos

C. disse...

Feliz Ano Novo :D Espero que tenhas um 2016 brutal! *

São disse...

Um excelente começo de 2016, que agradeço a ti e a teu pai.

Para vós um feliz ano novo e abraços

Helena Resende disse...

Mais uma excelente imagem :) Feliz Ano Novo! :)

http://checkinonline.blogspot.pt/

Liliane de Paula disse...

Parece uma gruta que vi em Capri.

A Pequena Boneca de Trapos disse...

Um local lindo acompanhado de um poema fabuloso!

Bjxxx

Manu disse...

Uma bela sintonia entre olhar e poesia.
A gruta verdejante e de águas claras inspira paz. Deve ser um lugar muito bonito.

Beijos Elisa

cottidianus disse...

Foi aí que a Elisa foi dar o seu mergulho de ano novo??!!! Parece mais aconchegado e seguro que no mar, e não tem ondas grandes!!! :D

luisa disse...

A natureza como museu... Muito bonito. :)
Bom Ano!

Ailime disse...

Boa noite Elisa,
O seu pai era um Poeta genial que deixou uma belíssima obra.
A sua foto está em perfeita em sintonia com a mensagem inserta no magnifico poema.
Um beijinho.
Ailime
(A foto é de Sintra;))?)

Ailime disse...

Obrigada, Elisa, por me ter informado sobre a foto. Assemelha-se bastante a um recanto pelo qual tenho especial perdilecção aqui em Sintra (moro próximo).
Beijinhos e uma boa noite.
Ailime

redonda disse...

Gostei muito da fotografia e do poema.
um beijinho

Mona Lisa " Animada"

ShareThis