quinta-feira, junho 23, 2016

Pelos caminhos de Portugal...

O burro-de-miranda diferencia-se de outras espécies de asno por algumas características.
Com pelagem comprida e grossa de cor castanha escura, apresenta manchas claras nas costas e na região inferior do tronco. Suas orelhas são peludas, grandes, largas na base e redondas na ponta. De estatura elevada, em torno de 1,35 m, ele é fisicamente robusto e com patas grossas. Seu temperamento é extremamente dócil.
Tais características coadunam-se com a amplitude térmica da região, que pode variar muito a depender da época do ano, bem como à escassez de nutrientes.
Tendo gozado de grande popularidade no passado, hoje o animal corre risco de extinção.




Pombal típico da região




23 comentários:

✿ chica disse...

Que lindas fotos!Adorei a luz, os burrinhos e me deu pena da situação de extinção! Belo post! bjs, tudo de bom,chica

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Belas fotografias e gosto de ver estes animais que em tempos tão mal tratados foram.
Um abraço e continuação de uma boa semana.
Andarilhar

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Animais ajudaram e ajudam o homem desde o começo a civilização. Parabéns pelas belas imagens.

Manu disse...

Excelentes fotos!
Pena que este burrinho esteja em via de extinção
Por cá houve uma altura que também se penava que iam acabar e de repente começou a ser moda ter um burro.
Espero que o mesmo aconteça a esta espécie.

Beijinhos Elisa

Remus disse...

Belos animais.
Se eu tivesse uma quinta, com as respectivas condições, gostaria de ter burros. Preferia ter burros a ter cavalos, por exemplo.
Adorei ver as fotografias.

Cidália Ferreira disse...

Minha amiga: Um soberbo post! Amei
Os burros são animais dóceis.

Beijinhos e um feliz dia

Coisas de Uma Vida 172

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Que amor estes burrinhos, Elisa querida.
Meiga postagem.
Um beijinho carinhoso de
Verena e Bichinhos.

lis disse...

São bem interessantes!
_ é um animal que sofre preconceitos bobos talvez por ser primo-irmão dos garbosos cavalos-marchador! rs
e por ser meio escravo né Elisa? trabalha enquanto seus primos passeiam...
:))
abraços

Ana Freire disse...

Têm fama de ser teimosos... mas dos poucos de que me aproximei (de 4 patas), sempre me pareceram dóceis...
Ocorreu-me uma frase de António Aleixo... "Há tantos burros mandando em homens de inteligência, que às vezes, fico pensando que a burrice é uma ciência."
Os burros de 2 patas... é que me preocupam... por cada vez, serem mais...
Estes simpáticos bichinhos... prestativos e incansáveis, para trabalhos tão duros, na agricultura, em tempos... espero que se consigam aguentar por cá, por muito tempo... e que alguma entidade, tenha alguma consciência, para fazer algo, para proteger esta espécie em perigo...
As imagens estão adoráveis, Elisa!
Beijinhos! Bom fim de semana!
Ana

Lete disse...

Que fotos fantásticas!
Em pequena vi burros na minha aldeia, mas rapidamente foram substituídos pelos tratores. Fiquei triste quando deixei de os ver... fazer o quê?
Espero que apesar de toda a evolução, a espécie não se extinga, e que finalmente, os burros, sejam tratados como merecem.
O burro é realmente dócil, meigo e obediente (era o que me parecia, é claro, à luz da idade e da inocência). Tenho pena que tenha sido sempre tão mal tratado (cargas, chicotadas... um exagero, custava-me imenso). :(
Beijinho, Elisa, foi uma doce e amarga recordação: o meu pai teve um burro e quando comprou o trator, vendeu-o, fartei-me de chorar. Devia ter os meus 5/6 anitos, mas lembro-me bem do olhar triste do bicho quando saiu da nossa casa.

Anajá Schmitz disse...

Que lindos. Meu sonho é ter um burro. Animal tá. Não vai os homens se ofenderem né Elisa. haha Vou manter longe de Alfredo esse comentário.
Bjos
tenha um ótimo fim de semana.

O meu pensamento viaja disse...

São muito fofos!
Beijinhos

Bella disse...

Que burrinhos (de 4 patas!) fofinhos :) bjs

Helena Resende disse...

Tão fofinhos! Foi bom ficar a saber um pouco mais sobre estes animais...

http://checkinonline.blogspot.pt/

Anete disse...

Lindos burrinhos e fotos muito boas... Eles não podem "desaparecer"!
Um Bom Sábado e obrigada pelos comentários no Ciranda...
Abraços

aluap Al disse...

Tão úteis foram ao longo dos tempos!
No interior beirão já quase não se vê burros, é um animal em vias de extinção mesmo; o burro-de-miranda acho que é animal protegido por associações da região.

Bjos/bom fim de semana.

Liliane de Paula disse...

Quando vejo eles, quero conversar.
Aqui chama-se, burro ou jumento.

Isa Sá disse...

Portugal tem tanto para ver!


Isabel Sá
Brilhos da Moda

Ailime disse...

Boa noite Elisa,
Magnificas fotos.
Fez-me lembrar a minha infância na minha aldeia, onde vivi até aos treze anos, onde pude constatar que eram animais muito humildes e ajudavam bastante os donos nos trabalhos do campo e na volta vinham carregados com os produtos hortícolas. Tenho pena de estarem em extinção.
Beijinhos e boa semana.

Crocheteando...momentos! disse...

Olhares que daqui a uns anos vão ser uma relíquia!
Por aqui...não usam muito o burro mas há 30 anos atrás...uma tia minha tinha um!
Bj amigo

Crocheteando...momentos! disse...

Olhares que daqui a uns anos vão ser uma relíquia!
Por aqui...não usam muito o burro mas há 30 anos atrás...uma tia minha tinha um!
Bj amigo

redonda disse...

São muito giros. Quando eu era criança, acho que o meu avô teve um assim.

S disse...

Adorava ter um burro, adoro! Na verdade são animais muito inteligentes e um burrinho bebé e a coisa mais gira!!
Bj S

Mona Lisa " Animada"

ShareThis