segunda-feira, agosto 01, 2016

Sintonia entre olhar e poesia



Lindo gato, de pêlo aveludado;
tens olhos esverdeados encantadores.
Em que "pensas", amigo? Esse triste olhar
diz-me (certo) que foste abandonado
ou já deixaram o mundo teus senhores.
Anima-te: outro hás-de encontrar.


Agostinho Alves Fardilha (o meu pai)
Coimbra


24 comentários:

✿ chica disse...

Que lindo gato e a poesia do teu pai sempre presente a cada novo mes! Feliz AGOSTO! bjs, chica

redonda disse...

Gostei muito da fotografia e bem escolhida para o poema :)
um beijinho
Gábi

Helena Resende disse...

Que bonito gatinho e belas palavras! :)

http://checkinonline.blogspot.pt/

Catarina disse...

Uma bela foto!

Liliane de Paula disse...

Sou apaixonada por gatos.

Cidália Ferreira disse...

Lindo poema. A foto é maravilhosa. Adorei


Beijo e uma excelente semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Carmem Grinheiro disse...

Belíssimo gato. Esse não será, decerto, o inspirador do poema...
Bonita sensibilidade do poeta para a dor escondida e calada no olhar de tantos animais que vagueiam por nossas ruas.

bj amg

Teresa Silva disse...

Sintonia perfeita!!!

Bjxxx
A Pequena Boneca de Trapos | Facebook | Instagram

Crocheteando...momentos! disse...

Um belo gato inspirou a alma do poeta!
Belo este momento... Bj

Crocheteando...momentos! disse...

Um belo gato inspirou a alma do poeta!
Belo este momento... Bj

Anete disse...

Foto e poesia tocantes!
Obrigada pelo carinho no Ciranda de Frases, niver casamento/também do blog!
Um bom mês de Agosto... Muita paz!

Manu disse...

Lindo! Adoro gatos!
Não suporto vê-los abandonados.
O poema do teu pai sempre a encantar-nos.

Beijinhos Elisa

Maria Dos Anjos disse...

Áh que beleza!!

Beijinhos
Visite:- http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

O meu pensamento viaja disse...

Que gatinho lindo! Saudades do poeta.
Beijinhos, querida.

Teresinha disse...

Boa noite!
Sempre tão bons ler os escritos do teu pai.
Tive um gato igualzinho a esse, tão lindo.
Beijinhos

aluap Al disse...

Palavras sensíveis do seu pai: Senhor Agostinho Alves Fardilha!

De férias a partir de hoje, desejo-lhe um excelente mês de Agosto e...até à minha volta.

lis disse...

Muito lindo o gato Elisa e seu pai soube poetar inspirado nesse felino silencioso misterioso delicado e cheio de vontades próprias.
Amo os gatos!
e adorei o poema de um amigo que não esqueço.
abraço

Lete disse...

Que foto tão doce, emoldurada pela delicada poesia em jeito de recordação do paizinho... um amor!
Beijinho, Elisa!

Remus disse...

Um belo gato preto. E ele até parece bem estimado.

A forma como enquadrou a fotografia foi bem pensado. Ocupou metade da área com o gato e a outra metade com a planta. Acho que ficou muito bem.

Denise disse...

Linda sintonia!
Ótimo dia para você!
Bjs.
http://dedeartes-denise.blogspot.com

Ana Freire disse...

A imagem está linda, Elisa!... E não poderia ter melhor enquadramento, com as palavras do seu pai!...
Adorei o post!
Beijinhos! Desejando-lhe um feliz mês de Agosto, e boas férias, se for o caso.
Vou-me ausentar por umas semanitas... mas se não houver novidade, lá mais para o fim do mês, estarei de volta!...
Tudo de bom!
Ana

Simone Felic disse...

Olá Elisa
Que lindo gato, já tive um assim, e palavras que deixam a dúvida no ar,
gato pensativo.
bjs

http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Isa Sá disse...

Bonitas fotos!


Isabel Sá
Brilhos da Moda

S disse...

Adoro gatinhos! Era tão bom que não existisse nenhum animal abandonado não era? E que fossem todos muito bem tratados pelos donos :)
Bj S

Mona Lisa " Animada"

ShareThis