domingo, novembro 14, 2010

Júlio Dinis nasceu há 171 anos



Beijos


"Ouvia gabar os beijos.
Dizer deles tão bem.
Que me nasceram desejos.
De provar alguns também.
Essa fruta não é rara.
Mas nem toda tem valor.
A melhor é muito cara.
E a barata é sem sabor."


Júlio Diniz ( 1839 - 1871)

Imagem:internet

14 comentários:

Lis disse...

Ah os beijos de amor sao sempre deliciosos né Mlisa ? rs
hoje a gurizada nao dá essa importancia toda e fica até barato demais,perde o gosto, rs
lindo o poeminha de Júlio Diniz.
Obrigada por apresentar-me poetas que nao li ainda, registro pra ir as pesquisas quando o tempo permite.
bom domingo
abraços meus

Anónimo disse...

Beijar é dialogar.

Abraço.

Maria Luisa Adães disse...

O poeta é ímpar.

Muito bom o trazer, do esquecimento
em que ficou.

Nele não há o chamado, intelectualismo, que muita gente teima em usar...

Nem eles percebem o que escrevem, nem os outros!

Julio Diniz sempre me encantou e
continua a encantar, o seu talento
com lufadas de simplicidade.

Obrigada pela visita ao meu "Arabesco"...

Beijo,

Mª. Luísa

Graça Pereira disse...

Minha Querida
Na minha juventude li tanto Júlio Dinis... e talvez tenha sonhado tambem!!!

Beijos...quem não gosta?
É o arrulhar dos passarinhos!
Há até quem aposta
Que já os ouviu em todos ninhos!

Beijos
Graça

Valquíria Oliveira Calado disse...

Olá, vim desejar-te um lindo domingo,com uma abençoada semana, deixo também um abraço.

Meus espaços te esperam com aconchego de amiga.

http://valvesta.blogspot.com/
http://hanukkalado.blogspot.com/
serás bem vinda.

Carmo disse...

Júlio Dinis leva-me à minha juventude.

Temos que relembrar os nossos escritores e poetas.

Beijinhos Boa semana

Carla disse...

Oi minha amiga, finalmente consegui aqui chegar. Obrigado por me teres lembrado do meu aniversário eh eh eh eh o pessoal foi incrivel e tu és única, não imaginas o quanto é reconfortante saber que estas sempre ai, ignorando se eu já respondi ou não. Foste a primeira amiga do meu trabalho e tenho a certeza que estaras sempre ai, até á exposição eh eh eh eh eh eh Um grande beijão e uma boa semana

mfc disse...

Beijos?! Sabem sempre bem...!

Lilá(s) disse...

Gosto da melhor...mesmo sendo cara...
Bjs

Milai disse...

Olá Elisa!
Está tudo bem contigo?
Já não vinha por aqui há um tempinho.
Faz-me falta o não poder passar assíduamente nos blogues das amigas.
Não gosto de ver só e não comentar.
Gosto sempre do que publicas pois tens um óptimo sentido de escolha.
Bjs e uma óptima semana

Bella disse...

Que verso liiiindo! Que fez o desenho? Está muito bom! Bjs

Nilson Barcelli disse...

Já tenho saudades de ler o Júlio Dinis... qualquer dia vou reler a Morgadinha dos Canaviais...
Querida amiga, boa semana.
Beijos.

PreDatado disse...

E agora explica-me lá porque é o Júlio Diniz usava um penteado à Almeida Garrett? Era só para confundir os putos do liceu? (o primeiro livro obrigatório que tive de estudar - Uma família inglesa)

JPD disse...

Eis um poema a preceito.

Não sei se no ensino de literatura o Júlio Dinis é falado.
Na actualidade, receio que seja pouco lido.

Bjs

Mona Lisa " Animada"

ShareThis