terça-feira, março 06, 2012

Um olhar


Foto minha

Pedras no caminho?
Guardo-as todas, um dia vou construir um castelo.

Fernando Pessoa (?)

18 comentários:

O meu pensamento viaja disse...

Reconheço esse caminho. Onde, onde é que já o palmilhei?
Beijo

rosa-branca disse...

Olá Lisa, mas que belo olhar...encanta...linda foto. Beijos com carinho

Bella disse...

É um consolo estas fotos! Bjs

Pérola disse...

já é a 2º vez que me deparo com Fernando Pessoa hoje. Não podias ilustrar melhor a mensagem. Simplesmente: Soberbo!

Maria Luisa Adães disse...

Olá amiga

Já estou em portugal e tenho escrito umas coisas (talvez para um próximo livro).

lindas como sempre, essa arte da fotografia.

As pedras, afaste-as do caminho e siga em frente...sempre...

Abraço,

Mª. Luísa

O meu pensamento viaja disse...

Lisa, pode ser que tenha sido na Penha em Guimarães, mas pode ter sido em Bled, junto ao lago, não sei. Sei que foi num cantinho maravilhoso deste nosso mundo.
Um grande beijinho da Nina

Anabela Jardim disse...

Senti vontade de ver o que há depois das pedras...?

Lilá(s) disse...

Linda foto! geralmente afasto-me das pedras que encontro pelo caminho, circulo-as...
Bjs

Custódia C.C. disse...

Este podia ser um recanto no Jardim de Monserrate, na Serra de Sintra .. ,mas sei que não é :)

mfc disse...

Pessoa era único em saber sintetisar as palavras e a darlhes um sentido perfeito!
Linda foto.
Beijos.

Milai disse...

Bela foto, Elisa!
É como eu digo tens mesmo jeito.
Beijo
Milai

Fernanda disse...

Também as guardo, excepto as que me entram nos sapatos ^^

Bela foto.

Beijinho

mixtu disse...

que o castelo seja altaneiro

abrazo serrano

Margarida disse...

E não fosse a doce Elisa Fardilha uma rainha! :)
Linda imagem!

Maria Luisa Adães disse...

Mona lisa

Sinto a tua falta
E enquanto o tempo passa
eu sinto mais a tua falta...

Abraço,

Mª. Luísa

Savi disse...

Olá Elisa
Gosto muito dos seus olhares!
Esta foto me parece ser na Penha em Guimarães será!!
Bjs.
Savi

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Depois do MARÇO cheio de história, sabiamente construído pelo teu pai, caminho pelos teus olhares que enchem de beleza os meus. Consegues com a tua máquina verdadeiras telas onde os vários tons de verde se misturam, como que a dizerem-nos que a Esperança tem que ser mantida, apesar de todas as pedras que encontramos pelo caminho. Tento desviar-me delas, mas às vezes lá aparece um pedregulho e aí não evito o tombo. O remédio é levantar-me... às vezes com ajuda de alguém que esteja por perto, outras lá tenho que fazer um esforço e erguer-me sozinha. Aliás é melhor aprendermos a fazer isso, pois é só connosco que podemos contar; só nós podemos contornar as pedras, embora muitas vezes nos iludamos e pensemos que os outros as vão tirar do caminho para que passemos sem qualquer problema. Um beijinho, Lisa e parabéns pela poesia dos versos do teu pai e pelo poema que se lê em cada um dos teus olhares.
Emília

Zilani Célia disse...

OI MONA LISA!
ESTE POETA EU CONHEÇO E ESTA FRASE
DE SUA AUTORIA, É MOTIVADORA.
ABRÇS
Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

Mona Lisa " Animada"

ShareThis